Este blog serviu pra registrar atividades sobre o Centenário do anjo-poeta Mário Quintana.

segunda-feira, julho 03, 2006

Tableau

Como você continuaria esse conto do Quintana?


"Nunca se deve deixar um defunto sozinho. Ou, se o fizermos, é recomendável tossir discretamente antes de entrar de novo na sala. Uma noite em que eu estava a sós com uma dessas desconcertantes criaturas, acabei aborrecendo-me (pudera!) e fui beber qualquer coisa no bar mais próximo. Pois nem queira saber. Quando voltei, quando entrei inopinadamente na sala, estava ele ... "

12 comentários:

tania leila disse...

Sentado ao lado do caixão,e logo disse: -Não se deve deixar um defunto sozinho. E ele respondeu: -Você estava morto o que poderia fazer? -Pois agora eu acordei e agora eu posso fazer muitas coisas... -Que coisas por exemplo?
-Matar a pessoa que está na minha frente.
-O que...Você está pensando em me matar?
-O que você acha?
-Eu não acho nada.
-Pois deveria achar.
-Mas eu pensava que você era uma pessoa
quieta.
-Quando estava dormindo sim.
Depois de muito tempo o defunto e o homem se tornaram grandes amigos.

Any e Li disse...

parecia estar fingindo de dormir, ao inves de estar morto!... de repente ouco uma respiracao eh o suposto morto que acorda, naquilo o monte de gente que estava ali jah nao se encontrava mais.E me vejo sozinho... E o suposto morto me olhando como se eu o tivesse matado. Nao sabia se corria, se o ajudava a levantar, ou se o matava de vez... mas sem pensar muito corri, corri muito, com medo talves que ele viesse atras de mim. Fui logo chamar o servico funerario e o padre tambem.
quando chegamos lah... o morto estava mesmo morto, nao respirava, porem havia se mexido do lugar. E entao me pergunto:
"o que acontecera?"
a unica e logica resposta:
"uma miragem!"
obs: absolutamente louca!...

Daniel Dias De Abreu disse...

É muito legal saber , que existia um Poeta omo ele, que nos deve ter deixado um bom exemplo de vida , como poeta como pessoa.

Mary disse...

... empezinho da silva ao lado do sofá. Quase morri de susto. Mas, vencendo meu medo perguntei meio sem graça:
- O que o senhor está fazendo aqui, se já está morto?
Ele com a maior cara de pau me respondeu:
- Na verdade eu estou morto mas, voltei para ver o que está acontecendo no meu velório e se você está me velando direito. Não quero saber de pessoas fazendo pouco caso do meu velório. Acenda muitas velas e reze muito, porque sou um defunto necessitado.
Depois disso sempre me comporto nos velórios e nunca deixo o morto sozinho.

Mariana Sperandio Abreu 10 anos
4ª série Colégio Equipe Cataguases MG

Marli disse...

Que lindo Mary!

Obrigada pela participação!

stéfany carli disse...

com o dedo no nariz, desconcertado limpou um dedo no outro(como costumam fazer todos, até defuntos)colocou aquele algodãozinho devolta no nariz, e me interpelou dizendo: nào sabe você que não se deve deixar um defunto sozinho, e se assim o for deve-se tossir antes de adentrar ao ambiente, que situação constrangedora, que vida é essa de defunto! ainda acham que é moleza fingir que está dormindo!

Anônimo disse...

deitado na mesma posiçao
!!!!

RAFAEL 8ª SÉRIE disse...

-Acho, é só ficar d0ormindo o dia inteiro.
- Mas e os sem educação que me deixam sózinhos e depois entram antes de tossir.
-você acha isso mesmo????????
-Mas é claro que acho e você??????

Betânia- 8ª série Pirapó disse...

...chorando, sozinho. Onde já se viu, alguem que já viveu tanto, agora defunto vai chorar?! E eu, que achava que o seco defunto, não se sentissee sozinho, e já havia se acostumado a viver a sete palmos das outras pessoas, o coitado realmente estava triste e solitário...e me tornei sua eterna compania.

Marli disse...

Rafael e Betânia!

Legal a participação de vocês. Gostaria de saber de qual escola vocês são. Abraço!

daniela disse...

Quando voltei, quando entrei inopinadamente na sala, estava ele sentado no caixão, comendo sofregamente uma das quatro velas que o ladeavam! E só Deus sabe o constrangimento em que nos vimos os dois, os nossos míseros gestos de desculpa e os sorrisos amarelos que trocamos....

Eu adorooo Esse poema, pra mim éh um dos melhoores de Quitandaa!
Ganheei até um prêmio em minha escolaa Recitaando o proprio!

BjO

Marli disse...

Daniela!

Parabéns para você pelo prêmio. o Mario é ótimo. Seu senso de humor nos encanta sempre. Abraço!